Pular para o conteúdo
Início » Acolhimento: Lar da Criança recebe crianças e adolescentes em vulnerabilidade

Acolhimento: Lar da Criança recebe crianças e adolescentes em vulnerabilidade

banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
2__BANNER_1140x130___CUIDANDO_DE_VOCE (1)

O espaço, no bairro de Vila Laura, em Salvador, oferece um ambiente acolhedor e atividades artísticas e educacionais para as Crianças

A crença no futuro das crianças é o que faz mover as engrenagens que sustentam o Lar da Criança, instituição em que trabalha a pedagoga e diretora Iraci Lopes de Souza Coimbra, que também partilha dessa missão de vida. Desde 1999 a mulher assumiu o comando do local, logo após o falecimento da sua fundadora, a funcionária pública do antigo Juizado de Menores Dulce Maria Goulart de Freitas.

“Quando essas crianças chegam aqui machucadinhas, em pedaços, a gente sabe que também existe um potencial dentro delas. E é com essa visão, da potência que essas crianças têm, que vai além dos muros dessa instituição, que a gente quer que elas percebam que existe um horizonte, um outro lado da história que ela ainda não conhece. É através dos nossos projetos que a gente introduz todo esse reconhecimento do que é belo, do que é bonito”, contou Iraci.

O olhar fraterno da pedagoga para as crianças acolhidas no lar reflete em toda a instituição, que nasceu em 1963. De início, ele ficava instalado no bairro de Cosme de Farias, em Salvador, mas hoje funciona um espaço na Vila Laura. O lugar foi todo adaptado para se parecer verdadeiramente com um lar, uma espécie de refúgio para os pequenos que ali chegam e buscam esperança.

O lugar, todo colorido e cheio de brinquedos e livros, comprova que o acolhimento integral é uma prioridade. No quintal, o abacateiro é o protagonista, já que é em seu pé que as crianças se reúnem para a realização de atividades, incluindo a contação de histórias. Ele também foi a estrela de um dos livros produzidos pelas crianças da casa, ‘Um Abacate No Nosso Quintal’, lançado neste ano.

Atualmente, o Lar da Criança acolhe cerca de 20 crianças e adolescentes, de zero a 18 anos, órfãos ou vítimas de maus tratos por parte dos seus responsáveis. Todos os menores chegam à instituição por intermédio da central de regulação de vagas do município de Salvador e através dos Conselhos Tutelares, DERCA, do Ministério Público e do Juizado da Infância e Juventude. Dentre as atividades ofertadas pela casa, estão as aulas de ballet, teatro, música e a oficina de leitura.

“Há quatro anos que conseguimos, junto com a Unesco, o programa Criança Esperança, que nós abraçamos não apenas as nossas crianças, mas também as da comunidade próxima à instituição com os cursos de Ballet, Judô, Música e cursos para as mães, pois hoje muitas delas desenvolvem a sua renda por causa de cursos que realizaram aqui na instituição”, disse a diretora, reafirmando a importância da ajuda de órgãos parceiros para a manutenção da instituição.

Apesar desse auxílio, o Lar da Criança possui demandas que constantemente precisam ser sanadas, dentre elas, a necessidade de doação de alimentos, principalmente as proteínas, frutas, verduras, hortaliças e alimentos perecíveis no geral. Segundo Iraci Coimbra, a alimentação é uma preocupação permanente, pois é custosa e não pode estar em falta. Os gastos com remédios e consultas médicas também demandam significantemente da instituição, já que muitas vezes são situações urgentes, não tendo como ser realizadas através do Sistema Único de Saúde (SUS), que, por vezes, possui um processo mais lento de atendimento.

Ajude você também

Iraci Coimbra pediu ajuda para a manutenção do Lar, não apenas através da doação financeira, mas também por meio do voluntariado. “A sua ajuda pode ser não só em dinheiro, para manter as nossas coisas e conseguir o que falta para a gente, mas também com o voluntariado. A sua presença aqui é importante para as nossas crianças”, afirmou a diretora.

Você pode contribuir para Lar da Criança doando através do Pix: 15.243.884/0001-82. Para mais informações sobre o projeto ou sobre outras formas de doar, acesse o site da instituição clicando aqui, ou acesse a página oficial do Lar no Instagram: @lardacriancaacolhimento.

Conheça o Lar da Criança:

Leia também:

Amar e servir: Serviço de Oncologia da Osid se destaca pelo acolhimento aos pacientes

Conheça o Serviço de Oncologia da Osid e inspire-se no legado da primeira santa brasileira

Marcações:
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
2__BANNER_1140x130___CUIDANDO_DE_VOCE (1)