header1_bg
Pular para o conteúdo
Início » Vida e arte de Sérgio Rabinovitz é contada em biografia

Vida e arte de Sérgio Rabinovitz é contada em biografia

banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
2__BANNER_1140x130___CUIDANDO_DE_VOCE (1)

Edição luxuosa e bilíngue traz 150 obras do artista e textos assinados pelo poeta e crítico de arte Claudius Portugal. Lançamento acontece no dia 17 de dezembro, na Paulo Darzé Galeria de Arte.

O artista Sérgio Rabinovitz terá sua trajetória de vida e arte contada em biografia com edição luxuosa, bilíngue e em capa dura. Com 240 páginas, o lançamento da P55 edição, traz 150 obras do artista e textos assinados pelo poeta e crítico de arte Claudius Portugal. O lançamento acontece no dia 17 de dezembro, às 19h, na Paulo Darzé Galeria de Arte.

Enstusiasmado, Rabinovitz diz que o livro também traça um panorama das artes no Brasil nos últimos 40 anos.  “Tem muito da minha visão em relação à Bahia e ao mundo”. Quem já teve oportunidade de ver a obra garante que vai ser o principal livro das artes da Bahia em 2019.

Os editores Marcelo e André Portugal contam que o livro foi concebido há um ano. “Um ano de dedicação para fazer um livro à altura da trajetória de um artista tão singular quanto Sérgio Rabinovitz”, afirma André. 
Marcelo Magalhães, CEO da PetroRecôncavo, conta o que levou a empresa a financiar o projeto. “Nós sempre
procuramos incentivar ações vinculadas à cultura da Bahia e do Nordeste brasileiro. Para nós é um privilégio participar da produção e do financiamento deste lindo livro”,afirma.

O livro também traz um resgate histórico com fotos feitas pelo próprio Sérgio de obras mais antigas. “Elas estavam guardadas e quando fomos verificar estavam em perfeito estado”, conta Claudius Portugal. Ele conta que realizou quatro grandes entrevistas para conseguir traçar a trajetória do artista e sua biografia. “É um livro sobre a obra de um dos mais expressivos artistas baianos. Não é um catálogo. É o documento de uma obra”, diz Claudius.

Na publicação, ainda estão trechos de textos de outros artistas e intelectuais sobre a obra de Sérgio Rabinoviz. Entre eles estão Mario Cravo Jr, Ildásio Tavares, Carybé, Mario Cravo Neto, Belchior, Carlos Bracher, Matilde Matos, Antonio Risério, Bené Fonteneles, Marcos de Lontra Costa, entre outros.
“Que meus trabalhos possam, cada vez mais, traduzir a mim, criador intuitivo, não a mim Sérgio, ser humano pensante. Mas cada vez mais a tradução do meu próprio viver. Eu até tenho meu slogan. Arte como vida, vida como arte”, diz Sérgio Rabinovitz.

banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
2__BANNER_1140x130___CUIDANDO_DE_VOCE (1)

Política