Pular para o conteúdo
Início » Após depósito de R$60 mi, Estado autoriza obras da rodoviária

Após depósito de R$60 mi, Estado autoriza obras da rodoviária

banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
2__BANNER_1140x130___CUIDANDO_DE_VOCE (1)

Ordem de serviço para início das obras foi assinada por Rui Costa na tarde desta segunda-feira 

 

O impasse do Governo do Estado e Prefeitura referente ao terreno destinado à construção da nova rodoviária de Salvador, no bairro de Pirajá, parece ter sido resolvido. Na tarde desta terça-feira (3), no ato em que o governador Rui Costa assinou a ordem de serviço para o início das obras, o secretário estadual de Desenvolvimento Urbano, Marcus Cavalcanti, revelou que o Estado depositou judicialmente hoje R$60 milhões referentes à aquisição do terreno.
 
“Nós estamos assinando com responsabilidade. Nós já temos a sentença do juiz dando emissão de posse do terreno ao Estado e determinando que o depósito fosse feito. O depósito foi feito em uma conta judicial e já está à disposição da justiça”, disse o secretário. O dinheiro poderá ser sacado por quem comprovar a posse do imóvel. Atualmente, a Prefeitura alega ser dona de 35% do terreno, conforme Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) firmado em 1999 com a empresa Patrimonial M. de Aguiar S/C Ltda.
 
Marcus Cavalcanti afirma que a emissão de posse dada pela Justiça é definitiva e que o projeto não corre mais riscos. No ato, o governador Rui Costa anunciou também a construção do tramo 3. A obra deve ser autorizada em breve pelo governador. “Eu não acredito que Prefeitura não tenha interesse em atrasar a obra. O que a Prefeitura quer é participar desse valor que o Estado está pagando e que se for de direito, poderá ser sacado por ela”, disse o governador Rui Costa (PT).

Nova rodoviária

A nova rodoviária de Salvador deve contar com um investimento de R$ 120 milhões e será implantada às margens da BR-324 e terá ligação com a estação do Metrô de Águas Claras, com o terminal de transporte de ônibus metropolitano e urbano e, futuramente, com o  BRT.

De acordo com o projeto, o equipamento será três vezes maior do que o atual, com cerca de 7 mil m². A estimativa é de que 39 mil passageiros circulem diariamente na nova rodoviária. A entrega está prevista para 2022.

Marcações:
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
2__BANNER_1140x130___CUIDANDO_DE_VOCE (1)