Pular para o conteúdo
Início » Cineasta Chico Teixeira morre aos 61 anos

Cineasta Chico Teixeira morre aos 61 anos

banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
2__BANNER_1140x130___CUIDANDO_DE_VOCE (1)

Cineasta carioca Chico Teixeira morreu hoje, em São Paulo, após batalha contra um câncer de pulmão. Teixeira dirigiu o elogiado "A Casa de Alice, vencedor de Melhor Filme no Festival de Gramado em 2007 

O cineasta carioca Chico Teixeira morreu na tarde de hoje, aos 61 anos, em São Paulo. Elogiado pelos longas “Ausência”, de 2014, e A Casa de Alice (2007), o diretor travava uma  batalha contra um câncer no pulmão há cinco anos. Ele deixou outro filme inacado, Dolores, no qual trabalhou no roteiro durante seu tratamento. O longa  deverá  ser rodado em 2020, com direção de Marcelo Gomes. 

Formado em Economia, Teixeira inicou a carreira no audiovisual com documentários, a estreia foi com “Favela”, em 1989. Seu último filme de ficão, “Ausência”, levou quatro pêmios Kikito no Festival de Gramado, e foi escolhido na categoria “Melhor Filme”. No longa, o adolescente Serginho (Matheus Fagundes) ajuda o tio na feira e convive com um irmão mais novo e uma mãe alcoólatra (Gilda Nomacce), com quem divide um casebre. 

Com informações da Folha de São Paulo.

banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
2__BANNER_1140x130___CUIDANDO_DE_VOCE (1)