Pular para o conteúdo
Início » CBF consulta clubes e federações sobre paralisação do Brasileirão por chuvas no Rio Grande do Sul

CBF consulta clubes e federações sobre paralisação do Brasileirão por chuvas no Rio Grande do Sul

banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
2__BANNER_1140x130___CUIDANDO_DE_VOCE (1)

Na última semana, maioria dos clubes já havia se manifestado de forma contrária à interrupção do campeonato de futebol

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) enviou, na noite desta última sexta-feira (10), uma circular a todos os seus membros filiados pedindo um posicionamento sobre a possibilidade de interrupção da disputa dos torneios nacionais em virtude da catástrofe que afeta o Rio Grande do Sul e de um ofício protocolado pelo Ministério do Esporte sugerindo a paralisação dos campeonatos. O documento foi encaminhado para os clubes que disputam todas as divisões do Campeonato Brasileiro masculino e feminino e também as 27 federações estaduais. 

A CBF pede na circular que o posicionamento seja feito em caráter de urgência, no entanto não aponta uma data limite para as respostas. A informação foi trazida primeiramente pela página “Lei em campo” e confirmada pelo Estadão.

Na última semana, a maioria dos clubes já havia se manifestado de forma contrária à interrupção do Brasileirão. Internamente, a CBF também debateu o tema e encontrou problemas de calendário que inviabilizariam o adiamento dos torneios. Eles invadiriam 2025, ano em que haverá enormes dificuldades para a distribuição dos torneios, uma vez que será disputada a Copa do Mundo de clubes, nos EUA, reunindo Palmeiras, Flamengo e Fluminense, ao menos.

Por enquanto, apenas os jogos dos times gaúchos foram adiados, tanto nos torneios nacionais, como nos continentais, caso das Copas Libertadores e Sul-Americana, que são disputadas por Grêmio e Internacional, respectivamente. Clubes e entidades articulam para que as equipes do Estado sejam realocadas em outras regiões do País para que possam nas próximas semanas retomar suas atividades e participação nos torneios. Os estádios e centros de treinamento da dupla Gre-Nal foram impactados pelas enchentes.

De acordo com os números mais recentes divulgados pela Defesa Civil, cerca de 2 milhões de pessoas foram afetadas pelas chuvas no Rio Grande do Sul, em 444 dos 497 municípios do Estado gaúcho O número de mortes chegou a 136. Há, aproximadamente, 340 mil pessoas desalojadas e outras 71 mil em abrigos.

 

Para ajudar: Doações podem ser encaminhadas para o PIX do Governo do Rio Grande do Sul – CNPJ: 92.958.800/0001-38

 

Leia também:

Arena Fonte Nova vai arrecadar doações para Rio Grande do Sul em parceria com Bahia

Prefeitura de Salvador envia 103 mil litros de água ao Rio Grande do Sul

Arcebispo primaz do Brasil convoca católicos a ajudar desabrigados do Rio Grande do Sul

Marcações:
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
2__BANNER_1140x130___CUIDANDO_DE_VOCE (1)