header1_bg
BANNER_728x90___COMBATE_A_DENGUEpx_1
Pular para o conteúdo
Início » Estoque de leite humano no Hospital Roberto Santos está baixo, diz Sesab

Estoque de leite humano no Hospital Roberto Santos está baixo, diz Sesab

2__BANNER_1140x130___CUIDANDO_DE_VOCE (1)

HGRS mobiliza-se no Dia Mundial da Doação de Leite Humano.

No dia 19 de maio, celebra-se o Dia Mundial da Doação de Leite Humano. Porém, o Banco de Leite do Hospital Geral Roberto Santos (HGRS) está com estoque abaixo do ideal, distribuindo apenas metade do necessário diariamente.

A unidade segue a campanha do Ministério da Saúde, que este ano tem como tema: “amor em cada gota doada, vida em cada gota recebida”, pois afinal, o leite materno contém todos os nutrientes que um bebê precisa até seus seis meses de vida. 

A enfermeira Ana Carolina Meireles ressalta que hoje o estoque do hospital deveria ser o dobro “do que temos, pois estamos distribuindo três litros por dia, mas deveria ser pelo menos seis litros, pois assim atenderíamos mais crianças”. 

Nilma Dourado, coordenadora do BLH do Hospital, explica que para se tornar uma doadora basta entrar em contacto com o Banco de Leite através dos  telefones (71) 3117.7532 / 9 8225.5493, que a equipe dará todas as orientações necessárias  para recolher  e armazenar o leite, que pode permanecer congelado por até  15 dias. 

Banco de Leite Humano (BLH)

O Banco de Leite do Hospital Geral Roberto Santos (HGRS) tem 5 anos de criado, atende crianças prematuras nascidas na Maternidade  do HGRS, que é de alto risco. Atualmente, o leite está sendo distribuído para cerca de 50 bebês que estão internados na unidade. 

Théo Guimarães,  é um desses bebês. Ele nasceu prematuro e a mãe, Camila Guimarães, conta que ele está utilizando o leite do BLH. “Desde que nasceu meu filho está tomando o leite daqui, pois eu não consegui amamentar, e está evoluindo muito bem”, pontua Camila. 

Para atender essa demanda, além das campanhas internas, que abrangem as mães, cujos filhos estão internados e elas têm leite para doar, são realizadas ações para sensibilizar doadoras externas. 

Atualmente o hospital conta com mais de 50 doadoras externas. Para isso, semanalmente, uma equipe do hospital vai à casa dessas mulheres recolher o leite e levar os kits em que as mães armazenam o leite. 

Nilma Dourado, coordenadora do banco de leite, também lembra da necessidade de arrecadar os frascos que fazem parte desses kits enviados às mães. “Embora o apelo neste momento seja para suprir nosso estoque de leite, nós ressaltamos que, quem não puder ser uma doadora de leite, pode doar os frascos de vidro com tampas de plástico”, conclui Dourado.

 

 

Leia também:

Diversidade de modelos familiares representa mais de 50% das famílias brasileiras 

Marcações:
2__BANNER_1140x130___CUIDANDO_DE_VOCE

Política