Bruno Reis diz que discussão sobre PDDU ficará para depois da eleição de 2024

"Abrir uma discussão sobre isso geraria uma instabilidade e incertezas no mercado", disse o prefeito ao Portal M!

Por Bruna Ferraz
01/08/2023 às 18h09
  • Compartilhe
Foto: Secom/PMS
Foto: Secom/PMS

Questionado sobre quando pretende mandar o Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano (PDDU) para a Câmara Municipal de Salvador,  o prefeito Bruno Reis destacou que a recomendação é que a revisão do Plano Diretor seja feita de oito em oito anos. Além disso, o gestor municipal afirmou que a pandemia de Covid-19 comprometeu uma série de processos, inclusive esse.

Em conversa com o editor-chefe do Portal M!, Osvaldo Lyra, o prefeito falou sobre o PDDU, o prefeito disse que apenas após as eleições municipais de 2024 esse assunto deve ser debatido.

"Nós entendemos que, principalmente por conta da pandemia, nesses três últimos anos, 2020, 2021 e parte de 2022, isso comprometeu a aprovação, licenciamento e diversos empreendimentos na nossa cidade. Agora que, digamos assim, o PDDU está maduro, abrir uma discussão geraria uma instabilidade e incertezas no mercado. Coincide também com o ano eleitoral, que acaba tendo maior dificuldade de avançar uma pauta tão importante como essa", disse ao Portal M!.

Bruno afirmou ainda que  "esse deve ser um assunto para se iniciar a discussão após as eleições do ano que vem e será já algo aí com ideias, com iniciativas, sejam para modernizar ainda mais a legislação, para simplificar ainda mais que, seja quem vencer o candidato a prefeito, o novo prefeito que a cidade escolha, possa aí sim já colocar essas ideias em prática".

Leia também:

Prefeitura de Salvador anuncia parceria para reformar Teatro Vila Velha

Salvador deflagra campanha de vacinação antirrábica animal