Pular para o conteúdo
Início » Roma diz que PT não entrega o que promete e reafirma desejo de ser candidato a governador em 2026

Roma diz que PT não entrega o que promete e reafirma desejo de ser candidato a governador em 2026

banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
2__BANNER_1140x130___CUIDANDO_DE_VOCE (1)

Presidente do Partido Liberal na Bahia disse que trabalha para fortalecer legenda no interior do estado

Nesta quarta-feira (8), o presidente do PL na Bahia, João Roma, declarou a vontade de voltar a se candidatar para o governo da Bahia nas eleições de 2026. Em entrevista à Rádio Transbrasil, de Capim Grosso, o ex-ministro da Cidadania ressaltou o sonho de ser porta-voz de um sentimento do povo baiano. 

Segundo Roma, a intenção do projeto consiste em fortalecer o Partido Liberal na Bahia, para aumentar a sua capacidade de alcance no interior do estado. O dirigente partidário evidenciou o crescimento de 30 para 240 diretórios municipais instalados nos últimos dois anos, sendo esse um fator diferencial que dificultou a sua campanha nas eleições de 2022. 

“Nós temos, sim, nossas bandeiras e é fundamental que o povo da Bahia perceba que o estado pode muito mais. Essa é a nossa motivação e estamos preparados para buscar levantar essa bandeira para a população e é isso que vamos seguir. O PT não entrega o que tem prometido, e a Bahia é um claro exemplo disso”, declarou o presidente do PL. 

O ex-ministro afirmou que as gestões administrativas do PT não aproveitam as potencialidades naturais do Estado, sendo muita propaganda para pouca geração de emprego e melhoria de vida para os baianos, com a justificativa de que a infraestrutura não chega na Bahia. 

 

Leia também: 

ACM Neto critica aumento de passagens do sistema ferry-boat: ‘absurdo’

Marcações:
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
2__BANNER_1140x130___CUIDANDO_DE_VOCE (1)