header1_bg
Pular para o conteúdo
Início » Planalto adia oficialmente a reforma administrativa

Planalto adia oficialmente a reforma administrativa

banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
2__BANNER_1140x130___CUIDANDO_DE_VOCE (1)

Projeto é encabeçado pelo ministro da Economia, Paulo Guedes

 
 

O projeto de reforma administrativa do governo federal só será encaminhado ao Congresso Nacional no ano que vem, confirmou o porta-voz do Palácio do Planalto, Otávio Rêgo Barros. Alguns pontos   da proposta encabeçada pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, devem ser analisados pelo presidente Jair Bolsonaro.
“O presidente solicitou ao Ministério da Economia que aprofundasse alguns detalhes da proposta encaminhada “, afirmou o porta-voz. Otávio Rêgo Barros admitiu que “e na análise e no timing da elevação dessas propostas ao Congresso, dentre outros aspectos, os aspectos políticos são envolvidos”.
Segundo o que já foi revelado por Paulo Guedes, os futuros servidores públicos não teriam mais estabilidade automática no cargo. A ideia seria definir um tempo para atingir a estabilidade, de acordo com cada carreira. Além disso, outro objetivo da medida seria reduzir o número de carreiras de cerca de 300 para algo em torno de 20 e que os salários para quem entrar na carreira pública passem a ser menores do que são atualmente. Fonte: Agência Brasil
Marcações:
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
2__BANNER_1140x130___CUIDANDO_DE_VOCE (1)

Política