Pular para o conteúdo
Início » Janja e Lula recebem ministras e congressistas aliadas no Alvorada e discutem pauta de gênero

Janja e Lula recebem ministras e congressistas aliadas no Alvorada e discutem pauta de gênero

banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
2__BANNER_1140x130___CUIDANDO_DE_VOCE (1)

Deputadas baianas Lídice da Mata (PSB) e Alice Portugal (PCdoB) participaram do encontro; presidente defendeu candidaturas femininas nas eleições de outubro

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e a primeira-dama, Janja Lula da Silva, receberam, nesta segunda-feira (26), no Palácio da Alvorada, um grupo de ministras e congressistas aliadas. A única ministra que não participou foi Nísia Trindade (Saúde). Estavam presentes senadoras como Eliziane Gama (PSD-MA) e deputadas federais como Gleisi Hoffmann (PT-PR), Alice Portugal (PCdoB-BA) e Lídice da Mata (PSB-BA), presidente da bancada baiana no Congresso. O ministro das Relações Institucionais, Alexandre Padilha, também participou. 

“Foi um convite feito pela primeira-dama. Um papo fraterno, amigo”, disse a jornalistas a ministra das Mulheres, Cida Gonçalves, na porta do Palácio da Alvorada depois do compromisso. Segundo ela, o caso Marielle Franco foi mencionado nas conversas, mas não discutido sistematicamente. “Eu disse que a Marielle foi a primeira vítima fatal da violência política de gênero”, declarou a ministra.

“Fizemos uma discussão em relação à presença da mulher na política. E a Janja colocou que nós temos que lutar pela paridade”, disse a deputada Benedita da Silva (PT-RJ). A petista destacou que Lula disse que as congressistas precisam convencer as organizações a aceitar pagar salários iguais para homens e mulheres que estão na mesma função.

De acordo com a senadora Eliziane Gama, um dos tópicos da conversa foi “como se comunicar mais com a sociedade brasileira em relação à pauta de gênero”. Lula indicou ser preciso fortalecer candidaturas femininas às prefeituras e câmaras municipais.

O encontro foi em formato de happy hour, semelhante ao adotado por Lula em conversas com deputados e senadores recentemente. Não houve jantar, mas aperitivos. Cerca de 30 congressistas participaram, além das ministras.

 

Leia também:

Lula serve pão de queijo a Pacheco e promete mais diálogo com Senado

Uísque, pastel e afagos: saiba como foi o ‘happy hour’ de Lula com Lira, líderes e ministros

Mulheres recebem 19,4% a menos que homens, mostra relatório do governo

banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
2__BANNER_1140x130___CUIDANDO_DE_VOCE (1)