Pular para o conteúdo
Início » Flávio Matos se compromete com a implantação de hospital municipal e critica “portas fechadas” do HGC

Flávio Matos se compromete com a implantação de hospital municipal e critica “portas fechadas” do HGC

banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
2__BANNER_1140x130___CUIDANDO_DE_VOCE (1)

Declaração foi dada durante o Movimento da Verdade realizado nesta quinta-feira (4)

Durante mais uma edição do Movimento da Verdade, desta vez no Alto do Triângulo – encontro político semanal que acontece toda quinta-feira – o pré-candidato a prefeito de Camaçari e atual presidente do Legislativo Municipal, Flávio Matos (União Brasil) revelou que a criação de um hospital municipal será uma de suas prioridades, caso saia vitorioso nas urnas em outubro.

“Eu quero um estudo elaborado, nós vamos construir o hospital municipal. Esse é um compromisso meu com a cidade e com o povo que acredita em nosso projeto para transformar Camaçari, e colocar ela no lugar de destaque que ela merece”, disse Flávio.

Por ser profissional da área de saúde, com formação em fisioterapia e experiência no mercado de trabalho, Flávio conhece as necessidades do setor e entende a importância de um hospital com capacidade para atender a grande demanda da saúde em alta complexidade.

Com o fechamento do Hospital Geral de Camaçari (HGC) pelo Governo do Estado, responsável pela unidade, a procura pelas unidades de saúde mantidas pelo município tem sido alta, o que pode comprometer a celeridade do atendimento, além de muitos casos não serem de competência das Unidades de Pronto Atendimento (UPA), por não ter a estrutura de um hospital.

O pré-candidato cobrou diversas vezes uma solução da Secretaria Estadual de Saúde em relação ao retorno do atendimento aberto para todos no HGC e à regulação que, segundo Flávio, tem sido motivo do alto registro de óbitos por conta da longa espera por uma vaga.

“O nosso adversário, que é aliado do governo do estado, não fala uma linha sobre a fila da regulação, nem do HGC que agora funciona de portas fechadas para o nosso povo e deixa a nossa UPA superlotada. É isso mesmo que eles querem, pra eles quanto pior melhor, fecharam as portas do HGC de maldade, criaram o caos e agora na eleição vão querer vender a solução para enganar o povo”, cravou Flávio, criticando a inércia do grupo opositor que nada faz para reabrir o HGC ou acabar com o sofrimento de quem precisa da regulação estadual.

 

Leia também:

De volta à Câmara, Dilson Magalhães Jr se filia ao PP e defende Professora Angélica na vice de Flávio Matos

Marcações:
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
2__BANNER_1140x130___CUIDANDO_DE_VOCE (1)