Pular para o conteúdo
Início » Eleição TCM: Bruno parabeniza Rangel e elogia desempenho de Nilo na disputa

Eleição TCM: Bruno parabeniza Rangel e elogia desempenho de Nilo na disputa

banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
2__BANNER_1140x130___CUIDANDO_DE_VOCE (1)

Prefeito nega que tenha conversado com ex-deputado federal sobre possível candidatura à Câmara em 2026 

O prefeito Bruno Reis (União Brasil) parabenizou o deputado estadual Paulo Rangel (PT) eleito por 36 votos, nesta última terça-feira (5), na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), como novo conselheiro do Tribunal de Contas do Município (TCM). Apesar de seu candidato não ter vencido a disputa, o prefeito elogiou o desempenho do ex-deputado federal Marcelo Nilo (Republicanos), que conseguiu 22 votos.

“Marcelo Nilo era um candidato que tinha apoio da oposição. O governo [estadual] na Assembleia tem a maioria, mas acho que o Marcelo Nilo teve excelente desempenho porque teve mais votos do que a quantidade de deputadas da oposição, conseguindo, diante da relação pessoal, da história de vida dele, do currículo dele, alguns votos ainda da base do governo”, pontuou ao Portal M! durante inauguração do camelódromo no Relógio de São Pedro, na Avenida Sete. 

“Tenho com o PT uma excelente relação, com o próprio Paulo Rangel, que foi meu colega deputado. Eu desejo boa sorte, parabenizo pela vitória e, tenho certeza, que ele vai fazer um grande trabalho no tribunal, como fez como deputado, sempre honrando com o mais elevado espírito público”, ponderou o prefeito, que já foi deputado estadual. 

Ainda sobre Nilo, Bruno Reis afirmou que já conversou com ele após a definição de Rangel ao TCM, mas negou que tenha discutido sobre possível candidatura à Câmara dos Deputados em 2026. 

“Não sei se será candidato, a gente não conversou sobre isso. Ele teve o meu apoio, eu pedi aos deputados da oposição que a gente pudesse votar em Nilo para ele ter alguma chance de vitória na disputa pelo Tribunal de Contas, mas não falamos de futuro. Está muito cedo, a gente nem passou por 24. Marcelo é um grande amigo que está ao nosso lado. Hoje, o meu colaborador direto na prefeitura tem me ajudado muito nessas costuras políticas, nessas relações junto ao Cacá [Leão, secretário municipal de Governo e presidente do PP de Salvador]”, destacou. 

Integrantes do PT no TCM

Ainda em entrevista ao Portal M!, o prefeito minimizou o fato do TCM contar agora com quatro integrantes indicados PT com a eleição de Rangel. Desde 2014, quatro petistas assumiram o cargo de conselheiro no órgão: os ex-deputados federais Zezéu Ribeiro (já falecido) e Nelson Pelegrino (ex-deputado federal), além da ex-primeira-dama Aline Peixoto e o ex-auditor Ronaldo Sant’Anna.

“Essa é a regra do jogo. A lei estabelece a forma de escolha dos conselheiros. É natural que o partido que hoje governa a Bahia tenha mais integrantes à medida que o tribunal vai se renovando. O importante é que eu confio nas pessoas que vão pra lá, vão fazer um trabalho técnico, que é um órgão técnico, não é um órgão político. A política fica na Assembleia ou fica aqui nas ruas. O nosso debate no Tribunal de Contas, a gente sabe que quando a pessoa chega lá, por mais que tenha tido uma origem na política, é um trabalho técnico. São análises de números e condições que nós gestores temos que cumprir”. 

 

Leia também:

Paulo Rangel é eleito para vaga de conselheiro do TCM

“Vai orgulhar o TCM como orgulhou o PT”, diz Éden sobre Paulo Rangel

“Ser aliado é uma coisa, ser subalterno é outra”, dispara Olivia Santana após PCdoB ser alijado a uma vaga ao TCM

Daniel Almeida diz que ainda não compreendeu quebra de acordo do PT com PCdoB

Marcações:
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
2__BANNER_1140x130___CUIDANDO_DE_VOCE (1)