header1_bg
Pular para o conteúdo
Início » Camaçari aumenta de 21 para 23 vereadores e poderá ter 2° turno

Camaçari aumenta de 21 para 23 vereadores e poderá ter 2° turno

banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
2__BANNER_1140x130___CUIDANDO_DE_VOCE (1)

Promulgada pela Câmara Municipal nesta quinta, medida já começa a valer para eleições municipais em outubro

A cidade de Camaçari (Região Metropolitana de Salvador), quarto maior colégio eleitoral da Bahia, passará a ter 23 vereadores e poderá ter 2° turno. A medida já começa a valer para eleições municipais em outubro.

A Câmara Municipal promulgou, na quinta-feira (2), a Proposta de Emenda à Lei Orgânica para adequar o número de vereadores à quantidade de eleitores do município, conforme último censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Após publicação no Diário Oficial do Executivo (DOE), o número de vereadores passará de 21 para 23.

Outra mudança na disputa eleitoral deste ano é a possibilidade de segundo turno, já que o município alcançou cerca de 201,2 mil eleitores, conforme divulgado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em março. A corrida para comandar o município da Região Metropolitana de Salvador (RMS), inclusive, promete ser acirrada. Na primeira pesquisa AtlasIntel/A Tarde realizada na cidade e divulgada no último dia 8 de abril aponta empate técnico entre o ex-prefeito Luiz Caetano (PT) e o presidente da Câmara Municipal, vereador Flávio Mattos (União Brasil).

No primeiro cenário pesquisado, o ex-secretário estadual de Relações Institucionais, que já comandou Camaçari por quatro mandatos (1985-1988, 2005-2008, 2008-2012 e 2012-2015), lidera com 50,3% das intenções de voto contra 43,8% de Matos, que é apoiado pelo atual prefeito reeleito Elinaldo Araújo (União Brasil). Já o radialista Oswaldinho Marcolino (presidente municipal do MDB) tem 1,7% e 1,8% preferem outro candidato. Brancos e nulos somam 2,3% e apenas 0,2% não souberam ou não quiseram responder.

Vereadores

O aumento no número de vereadores é permitido para municípios com população entre 300 mil e 450 mil pessoas. Aprovada no último dia 25 de abril, a matéria altera o artigo 39 da Lei Orgânica Municipal (LOM) e começou a tramitar no Poder Legislativo em 14 de dezembro do ano passado.

Uma comissão especial – formada pelos parlamentares Niltinho (PRD), Herbinho (União Brasil), Jamelão (Cidadania), Tagner (PT) e Vavau (PSB) – analisou a emenda e encaminhou a matéria para votação em plenário. Na primeira apreciação, a matéria recebeu 17 votos a favor e na segunda 18, sendo aprovada por unanimidade dos vereadores presentes nas respectivas sessões.

 

Leia também:

Disputa pela prefeitura de Camaçari tem empate técnico entre Caetano e Flávio Matos

Camaçari: Elinaldo anuncia Professora Angélica como vice de Flávio Matos

Caetano reúne multidão durante lançamento de pré-candidatura em Camaçari

Marcações:
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
2__BANNER_1140x130___CUIDANDO_DE_VOCE (1)

Política