Pular para o conteúdo
Início » Ademário Costa diz que escolha de candidato do PT será através do voto. Partido se reúne dia 18

Ademário Costa diz que escolha de candidato do PT será através do voto. Partido se reúne dia 18

banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
2__BANNER_1140x130___CUIDANDO_DE_VOCE (1)

Reunião marcada para o próximo dia 18 vai definir data e processo de escolha do postulante ao Palácio Thomé de Souza

Eleito no final de setembro como presidente do Partido dos Trabalhadores (PT) de Salvador, Ademário Costa tem a frente um grande desafio: a escolha do candidato que vai concorrer ao Palácio Thomé de Souza em 2020. Até agora, são sete os pretendentes ao cargo de prefeito da quarta maior cidade do país. No próximo dia 18, acontece uma reunião da legenda, na qual, segundo o dirigente, já devem ser definidas, pelo menos, a data do anúncio e de que forma essa escolha será feita.

“O PT vai fazer o processo de escolha interna pelo voto. Mas ainda vamos decidir, antes, se faremos prévias ou encontro municipal, abrindo o processo de inscrição formal”, disse Costa ao editor-chefe do portal M!, Osvaldo Lyra. Ainda de acordo com o dirigente, a definição do postulante à Prefeitura “não deve passar do mês janeiro”.

O presidente do Partido dos Trabalhadores opinou que a coalizão de partidos que apoiam o governador Rui Costa deve atuar em duas frentes eleitorais sendo uma de centro esquerda, liderada pelo PSB e em diálogo com outras legendas como Podemos, PP e PSD, e outra frente de esquerda, liderada pelo próprio PT. A ideia é a de que o partido também ajude o governador Rui Costa a manter a coalizão estadual intacta na cidade.

Conversas

No final de novembro, o Partido Comunista do Brasil (PCdoB) anunciou a deputada estadual Olívia Santana como pré-candidata à Prefeitura de Salvador pela legenda. Perguntado por Osvaldo Lyra sobre questão, Ademário Costa disse que conversas ainda estão acontecendo entre os partidos aliados. “Os bastidores estão movimentados, mas é certeza que o PT será uma das cabeças de chapa em torno do governador Rui Costa e, junto com aliados, construir uma frente bastante forte”, disse.

Por último, ele afirmou que acredita na possibilidade de que as eleições municipais de 2020 acabem indo para o segundo turno. “Temos certeza que o campo político em torno de Rui, do ex-presidente Lula, do campo de embate que temos ao Governo Federal e a visão de oposição à gestão municipal constituem uma massa critica com força suficiente para ir até o segundo turno”, afirmou.

Marcações:
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
2__BANNER_1140x130___CUIDANDO_DE_VOCE (1)