header1_bg
1__BANNER_728x90
BANNER_728x90___APP_ALBA_1_2
BANNER_728x90___APP_ALBA_1_2
BANNER_CAPITAL_728x90___SAO_JOAO_2024
BANNER_728x90___BRT_LAPA
BANNER_728x90___E_LAURO__E_TRABALHO
1__BANNER_728x90
Pular para o conteúdo
Início » Rio vai ter três dias de desfiles das escolas de samba a partir do próximo Carnaval

Rio vai ter três dias de desfiles das escolas de samba a partir do próximo Carnaval

banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
2__BANNER_1140x130___CUIDANDO_DE_VOCE (1)

Tradicionais apresentações na Marquês de Sapucaí serão no domingo, segunda e terça-feira; Desfile das Campeãs está mantido no sábado seguinte

A partir do próximo ano, os desfiles das principais escolas de samba do Rio de Janeiro vão se estender por três noites: domingo, segunda e terça-feira. Até este ano eram duas noites (domingo e segunda-feira), com seis escolas em cada uma. Agora serão quatro escolas por noite. A decisão foi anunciada pela Liga Independente das Escolas de Samba (Liesa), que organiza os desfiles, após reunião em que a proposta foi aprovada pelos representantes das escolas, na tarde desta segunda-feira.

A Liesa anunciou que pretende reduzir o preço do ingresso para as arquibancadas: “Dentro dessa iniciativa, queremos viabilizar uma redução no preço das arquibancadas, com o objetivo de tornar os ingressos ainda mais acessíveis. Também vamos proporcionar que mais pessoas estejam no Sambódromo em dias diferentes”, disse Gabriel David, recém-empossado presidente da Liesa.

Na configuração de dois dias, o desfile começava às 22h e terminava por volta das 5h30 – eram seis escolas e cada uma tem 70 minutos de desfile, mas sempre há alguns minutos de demora entre o final de uma e o início de outra. É comum que parte do público chegue após os primeiros desfiles ou vá embora antes dos últimos, para ver especificamente sua escola predileta.

Com quatro escolas por noite, segundo a reportagem apurou, o plano é começar às 23h e terminar por volta das 4h. Pode ser que o tempo de desfile por escola seja ampliado – o regulamento ainda está em discussão e deve ser concluído até o próximo dia 23, quando haverá o sorteio da ordem das apresentações.

Outro plano da Liesa é oferecer outro tipo de atração após o desfile – oficialmente, a entidade afirmou que “o espetáculo ganhará ainda mais atrativos, com novidades que garantam a presença do público na Sapucaí após o encerramento de cada dia, até o amanhecer”.

Até este ano, na terça-feira o sambódromo era ocupado pelo desfile das escolas mirins, que agora vão passar para um novo dia da semana, ainda não definido. A data será escolhida em comum acordo com a Associação das Escolas Mirins do Rio (Aesm-Rio), que organiza o desfile, e com o poder público. O Desfile das Campeãs está mantido no sábado seguinte, com as seis primeiras colocadas festejando o resultado.

Ordem de desfile

Domingo, 2 de março: Em 2025, a Unidos de Padre Miguel, atual campeã da Série Ouro (a segunda divisão das escolas de samba), vai ser a primeira a desfilar no domingo, 2 de março.

Segunda-feira, 3 de março: Unidos da Tijuca, 11ª colocada do Grupo Especial neste ano (a pior colocada entre as não rebaixadas), vai abrir o desfile de segunda-feira, 3 de março.

Terça-feira, 4 de março: A Mocidade, 10ª colocada em 2024, será a primeira a desfilar na terça, dia 4.

A ordem de desfile das demais será definida em sorteio no próximo dia 23, na Cidade do Samba (pela primeira vez esse sorteio será aberto ao público). A combinação será formada a partir de três grupos de três escolas (cada escola de um mesmo grupo desfila em um dia): Mangueira, Portela e Beija-Flor; Grande Rio, Viradouro e Salgueiro; Paraíso do Tuiuti, Vila Isabel e Imperatriz Leopoldinense.

 

Marcações:

Política