Pular para o conteúdo
Início » Feira de Santana vai ganhar ‘Museu História do Cangaço’

Feira de Santana vai ganhar ‘Museu História do Cangaço’

banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
2__BANNER_1140x130___CUIDANDO_DE_VOCE (1)

Com apoio da Setur-BA, novo equipamento turístico será instalado no distrito de Tiquaraçu, com previsão de abertura ainda neste semestre

A memória de um movimento social e político que marcou o Nordeste brasileiro, no final do século 19 e início do século 20, será preservada no Museu História do Cangaço. O equipamento vai funcionar em uma casa de taipa, anexa ao restaurante O Caipira, no distrito de Tiquaraçu, em Feira de Santana, na zona turística Caminhos do Sertão. O lançamento do projeto teve o apoio da Secretaria Estadual de Turismo (Setur-BA), com palestras, exibição de vídeos e apresentações de cordel e de música nordestina. A previsão é que o museu comece a funcionar ainda neste semestre.

A iniciativa é da empresária Tatiane Santiago, uma apaixonada pela cultura do cangaço, que idealizou construir um espaço onde os clientes do restaurante, turistas e estudantes possam compartilhar histórias sobre o grupo liderado pelo cangaceiro Lampião. “Além de objetos originais que pertenceram a integrantes do movimento, vamos expor peças nordestinas bem antigas, fotos e réplicas, como a de uma máquina datilográfica de 1903, que os cangaceiros utilizavam na mata”, relatou.

Entre as relíquias que farão parte do acervo estão o parabelo (pistola) e o caneco usados pelo lendário cangaceiro Corisco. “Quanto mais se falar da história do cangaço, desde que seja a história real, não a deturpada, é bom para esclarecer porque Lampião criou o movimento”, disse Indaiá dos Santos, 65 anos, neta de Corisco, que palestrou no evento.

“O museu será a mais nova atração turística dos Caminhos do Sertão, para preservar a memória histórica e valorizar a cultura do cangaço. Vai servir, também, como fonte de pesquisa para os estudantes da região, que precisam conhecer a verdadeira importância desse movimento”, pontuou o assessor especial da Setur-BA, Valdernor Cardoso, presente no lançamento.

 

Leia também:

Ao lado de Lula, Zé Neto comemora nova ‘Lei do forró’

Prefeito anuncia novo formato do Boca de Brasa com 11 espaços em Salvador

Paula Toller, Lagum, Olodum, Majur, Babado Novo, Pierre Onassis, Marcia Castro, Mv Bill e muito mais; confira na agenda do Portal M!

Marcações:
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
banner_portal_noticias__1_Milhao_de_Amigos_osid___1140x130px
2__BANNER_1140x130___CUIDANDO_DE_VOCE (1)