Técnico de vôlei é preso após denúncia de assédio e estupro

André Testa foi denunciado por ex-atletas da Associação Desportiva e Cultural Terra Firme

Por Redação
05/08/2022 às 15h52
  • Compartilhe
Foto: (Reprodução / Redes Sociais)
Foto: (Reprodução / Redes Sociais)

O treinador de vôlei André Testa foi preso, nesta quinta-feira (4), após denúncias de assédio sexual e estupro de vulnerável. André era treinador da Associação Desportiva e Cultural Terra Firme, da cidade de São José, Santa Catarina.  O homem foi detido na Delegacia de Proteção à Criança, Adolescente, Mulher e Idoso (DPCAMI) de São José.

As denúncias surgiram em maio de 2022, por parte de ex-atletas da sua equipe. Na época, um jogador buscou a Polícia Civil para denunciar um abuso ocorrido em 2017, quando ele tinha 15 anos.  

De acordo com o relato do atleta, o treinador o levou para a sua casa, onde o assédio aconteceu. "Ele me levou para casa dele e lá começou a passar a mão em mim. Eu não tinha malícia na época, porque tinha muita confiança nele. Era uma pessoa muito persuasiva e acabou abusando de mim. Eu não estava entendendo direito essa situação. Foi a minha primeira vez", revelou ao Portal GE de Santa Catarina.

Outros membros da equipe também afirmaram terem sido vítimas de André quando eram menores de idade. Os atletas afirmaram que demoraram de denunciar para não prejudicar o time.

 

*Com informações A Tarde.