História: Revolução 4.0 é um dos assuntos que você deve priorizar para se dar bem na prova do Enem

O professor Jorge France é quem dá dicas e orientação para quem vai fazer a prova

Por Jones Araújo
06/11/2021 às 11h51
  • Compartilhe
Foto: Arquivo Pessoal
Foto: Arquivo Pessoal

Além  da história do Brasil, com período colonial, escravidão e era Vargas, o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) busca avaliar se o aluno tem conhecimento sobre a Revolução Francesa e a Industrial. Nesta linha, diante ao avanço da tecnologia, o estudante precisa ficar atento ao responder questões sobre a Revolução 4.0.

"Entender essa ideia da tecnologia é entender principalmente os impactos sociais. O quanto a humanidade tem ficado dependente no processo da tecnologia. É interessante que o aluno tenha esse senso crítico", afirma o professor de História, Jorge France, que possui mais de 25 anos de carreira.

Jorge é a personalidade entrevistada no podcast do Portal M!, em mais um episódio da serie voltada para o ENEM, desta vez, o foco é na disciplina história.

A Indústria 4.0 engloba um amplo sistema de tecnologias avançadas como inteligência artificial, robótica, internet e computação em nuvem que estão mudando as formas de produção e os modelos de negócios no Brasil e no mundo. O professor explica que o estudante precisa estar atento às mudanças sociais que o avanço tecnológico propõe.

De acordo com Jorge, nas questões de geopolítica é importante que o aluno tenha conhecimento sobre o oriente médio.

"É preciso entender como é que se dá quela terra, o conjunto cultural e a briga pelo poder. Nas questões geopolíticas é importante entender o que está por traz dessas questões e os interesses das grandes potências internacionais", explica.

O professor também falou da Segunda Guerra Mundial, exemplificou algumas questões e comentou sobre outros assuntos da atualidade que podem cair na prova deste ano.

Confira o podcast na íntegra abaixo: