Pesquisadores da UFBA realizam Live em homenagem ao Dia Internacional dos Povos Ciganos

Evento será realizado às 19h desta quinta-feira (8)

Por Redação
08/04/2021 às 17h14
  • Compartilhe
Foto: Agência Brasil
Foto: Agência Brasil

Na noite desta quinta-feira (8), às 19h, o jornalista Roy Rogeres, cigano da etnia Calon e de tradição circense, mestrando em Estudos Interdisciplinares Sobre a Universidade (PPGEISU/UFBA), e a jornalista Bárbara Jardim, mestranda em Estudos Interdisciplinares sobre Mulheres, Gênero e Feminismo (PPGNEIM/UFBA), aproveitam esta mesma data em que se comemora o Dia Internacional dos Povos Ciganos, para realizarem uma live com a temática 'Povos Ciganos na Bahia: Identidades e Memórias'

A ação tem como pressupostos, o fortalecimento da cidadania dos ciganos, dos aspectos de afirmação, e à luta global por reconhecimento, respeito, inclusão social e igualdade de direitos.

O projeto visa debater a história dos povos ciganos na Bahia, utilizando informações e reflexões a partir das pesquisas científicas que estão sendo desenvolvidas pelos pesquisadores.

Estima-se que no Brasil vivem entre 500 mil e 1,5 milhão de ciganos, e mais de 14 milhões no mundo.

"Trazer às populações Ciganas às pautas, através da cultura digital, é um processo de empoderamento, capaz de impulsionar a paridade de participação e as condições objetivas que estão associadas à redistribuição dos recursos materiais, com a finalidade de dar voz a esses grupos - historicamente silenciados, marginalizados e oprimidos", afirma os jornalista.

A live será realizada no Instagram, nos perfis: @royrogeres e @jbarbarella. Na ocasião, os internautas poderão participar com perguntas e comentários.

O projeto tem apoio financeiro do Estado da Bahia, através da Secretaria de Cultura e da Fundação Pedro Calmon (Programa Aldir Blanc) via Lei Aldir Blanc, direcionada pela Secretaria Especial da Cultura do Ministério do Turismo, Governo Federal.