Presidente diz que foco da Embasa é investir em PPPs e avançar para abertura de capital

"Estamos na mesma linha que a gente tinha no final do ano. Nesse aspecto [privatização] a gente não tem muitas alterações", disse

Por Jones Araújo e Osvaldo Lyra
13/01/2021 às 17h45
  • Compartilhe
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

De acordo com o presidente da Embasa, Rogério Costa Cedraz, ainda não há novidade sobre a privatização da empresa. Segundo ele, o cenário continua o mesmo e a ideia é fazer Parcerias Público-Privadas (PPPs) e "coisas do gênero".  

"Estamos na mesma linha que a gente tinha no final do ano. Nesse aspecto [privatização] a gente não tem muitas alterações", informa.  

O gestor também falou sobre as prioridades com relação aos PPPs nas cidades da Bahia. Conforme ele, há um processo na Região Metropolitana de Feira de Santana "que já está bem desenhado e a gente está em avaliação. Estamos estudando o PPP para a região. Por enquanto não tem nenhum desenho para a região sul [da Bahia]".  

Em entrevista para o jornal Folha de S. Paulo, em dezembro de 2019, o governador da Bahia, Rui Costa (PT) afirmou que o plano com a abertura do capital da empresa baiana é que o governo baiano não perca o controle da estatal, que hoje atende 367 dos 417 municípios. A expectativa, segundo ele, é arrecadar entre R$ 4 bilhões e R$ 5 bilhões com a venda de 42% do capital da empresa.