Pular para o conteúdo
Início » Expulso em 2020, Ricardo Salles anuncia retorno ao Novo para disputar o Senado em 2026

Expulso em 2020, Ricardo Salles anuncia retorno ao Novo para disputar o Senado em 2026

Ricardo Salles
Para ir ao Novo, Ricardo Salles terá que esperar a abertura da janela de trocas partidárias para deputados em 2026

O deputado federal Ricardo Salles (PL-SP) anunciou nesta sexta-feira (5), que recebeu oficialmente o convite do Partido Novo para retornar à legenda e concorrer ao Senado em 2026. A legenda confirmou a informação ao Estadão.

“Recebi, oficialmente, convite do Partido Novo para concorrer ao Senado em 2026 pelo meu Estado de São Paulo. Seis anos depois de ter sido expulso pelo Amoedo por ter me tornado, com muito orgulho, ministro do Bolsonaro, com quem estive, estou e sempre estarei junto”, afirmou Salles em seu perfil na rede social X.

Salles lembrou que o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PL-SP) também seria pré-candidato o Senado em 2026. Contudo, na próxima eleição serão abertas duas vagas ao cargo. “Será muito bom ombrear com meu amigo Eduardo Bolsonaro para as duas vagas do Senado em 2026 por SP”, disse.

Para ir ao Novo, Ricardo Salles terá que esperar a abertura da janela de trocas partidárias para deputados em 2026. Se quiser migrar antes, precisaria de uma carta de anuência o PL. Neste ano, ele já tentou obtê-la para concorrer à Prefeitura de São Paulo por outro partido, mas acabou não conseguindo.

O ex-ministro do Meio Ambiente foi filiado ao Novo entre 2018 e 2020. Ele foi expulso da legenda em maio daquele ano, em meio ao afastamento do Novo com o governo de Jair Bolsonaro. Antes, porém, já passou pelo DEM, PSDB, PSL e PP. Atualmente está no PL.

Leia também:

Deputada Jandira Feghali participa de reunião contra ataques de extrema-direita em Salvador

Lupi confirma reavaliação de benefícios da Previdência

PF indicia Zé Trovão e Sérgio Reis por atos antidemocráticos no 7/9 de 2021

Lula Marques/Agência Brasil