Pular para o conteúdo
Início » Retrato do Rei Charles III é vandalizado por artistas veganos em Londres

Retrato do Rei Charles III é vandalizado por artistas veganos em Londres

Rei Charles III
Atitude é vista com o objetivo de comover o rei e criar um debate público acerca do tema

O primeiro quadro oficial do rei britânico Charles III foi vandalizado por artistas ligados à causa animal nesta terça (11), em Londres. A obra está exposta em espaço aberto ao público na galeria Philip Mould & Co.

Um cartaz com palavras de ordem foi colado sobre a imagem. Junto aos dizeres, os ativistas colaram uma ilustração de Wallace e Gromit, dois personagens populares de uma animação britânica. “Sem queijo, Gromit. Observa toda essa crueldade nas fazendas da RSPCA”, diz o cartaz.

O objetivo é pressionar a Coroa britânica a investigar a instituição suspeita de crueldade animal no Reino Unido, do qual Charles é patrono.

A sigla se refere à Real Sociedade para Proteção dos Animais. A instituição foi fundada em 1824 e mantém mais de 170 abrigos para animais no Reino Unido.

De acordo com os ativistas, há casos de crueldade animal nas fazendas credenciadas pela instituição, como porcos e galinhas mortos.

“O objetivo é criar um debate público e se comunicar diretamente com o Rei, com a RSPCA e com a população. Mas estamos lidando bem com o fato de irmos para a cadeia, pois acreditamos que é uma questão importante”, afirmou o ativista Daniel Juniper ao jornal Daily Mail.

Apesar disso, os seguranças liberaram a dupla de ativistas para voltar para casa.

O primeiro retrato oficial do rei Charles III é assinado pelo artista Jonathan Yeo e foi apresentado no início de maio. Em tons vermelhos, também conta com uma borboleta ao lado do braço direito do monarca, o que segundo Yeo significa a evolução do rei nas últimas décadas.

A obra, porém, não foi danificada e é protegida por um vidro de proteção. Os ativistas acreditam que o ato vai comover o rei, que já se revelou fã da animação Wallace e Gromit.

Leia também:

Conservadores lideram eleições para o Parlamento Europeu na Alemanha

Divulgação/Palácio de Buckingham e Reprodução/X @animalrising