Pular para o conteúdo
Início » 16ª edição do Quintal du Samba faz ação social em prol de Augusto Conceição, um dos precursores do samba junino

16ª edição do Quintal du Samba faz ação social em prol de Augusto Conceição, um dos precursores do samba junino

Artista participou na fundação do grupo Timbalada e tem passado por dificuldades financeiras

Em sua 16ª edição, a festa Quintal du Samba realiza neste sábado (4), na Chácara Baluarte, no Santo Antônio Além do Carmo, uma iniciativa solidária a Augusto Conceição, criador do movimento cultural Samba do Vai Kem Ké e um dos integrantes fundadores do grupo Timbalada. O maestro tem enfrentado dificuldades financeiras e receberá doações oriundas dos lucros da venda de um drink no evento.

Augusto Conceição é considerado um dos mais relevantes compositores da música baiana e se orgulha de ter sucessos de sua autoria gravados por Ivete Sangalo, como ‘Bug, bug, bye, bye’ e ‘A Galera’. Ex-diretor musical e trombonista da Timbalada, Augusto também escreveu ‘Juliana (A Boa)’, relíquia do axé dos anos 80 cujo refrão ecoa na boca do povo até hoje: “A Juliana não quer sambar / Samba, Juliana / Samba, Juliana”.

O evento, que acontecerá a partir das 15 horas, terá como atrações o hitmaker baiano Pierre Onassis com a estreia do projeto ‘Samba P.O.’, o grupo Katulê, com participação da sergipana Mary Andrade, e o sambista Noelson do Cavaco com participação do cantor de samba paulistano Thiago Bispo. Os últimos ingressos custam R$ 100 e estão à venda pelo site da Bilheteria Digital. Assinantes do Clube Correio têm 40% de desconto.

O Quintal du Samba

A curadoria do Quintal du Samba se empenha em unir a tradição com a promessa e em reservar espaço para sambistas regionais, nem sempre tão divulgados pela mídia. Prova disso é que, nos Quintais anteriores, o projeto se dedicou a celebrar as mais variadas vertentes do ritmo, como o samba de coco, samba junino, samba de roda, samba de chula, partido alto e a nova geração de sambistas.

Por último, no dia 9 de março, o Quintal reservou 100% de sua grade de programação a artistas mulheres. Sambaiana, Vanessa Borges e Roda de Samba das Mulheres de Itapuã fizeram bonito em uma homenagem à força feminina. Já no dia 2 de dezembro de 2023, Dia Nacional do Samba, o Quintal evocou a ancestralidade do lendário mestre Riachão por meio da voz de seu neto Taian Paim, também sambista, que cantou ao lado do poeta da Preguiça, o sambista e compositor Guiga de Ogum.

“O Quintal du Samba é, antes de mais nada, um movimento cultural. E o pontapé de cada tema, via de regra, é a união de pesquisa bibliográfica e coleta de opiniões especializadas sobre o samba nordestino. Nossa intenção é dar visibilidade a artistas locais, buscar entender a história dos diferentes estilos de samba e como esses estilos configuram a cultura de onde surgiram. Assim, identificamos sambistas pioneiros e emergentes de cada região, ampliando as suas vozes”, orgulha-se o idealizador Ícaro Ambrozi.

 

Leia também:

Show da Madonna: tudo o que você precisa saber sobre a apresentação da rainha do Pop no Rio 

BRT recebe intervenção artística feita em homenagem a Salvador 

Luan Santana, Nattan, Simone Mendes, Calcinha Preta, Filipe Ret, Zeca Pagodinho, Cabelinho, Diogo Nogueira, Serestão Santo Antônio, O Terno, Você disse Samba e muito mais; confira na agenda do Portal M! 

Marcações: