Pular para o conteúdo
Início » Influenciador Renato Cariani vira réu por suspeita de tráfico de drogas e lavagem de dinheiro

Influenciador Renato Cariani vira réu por suspeita de tráfico de drogas e lavagem de dinheiro

Outras quatro pessoas também vão responder ao processo

A Justiça de São Paulo aceitou a denúncia do Ministério Público de São Paulo e colocou o influenciador fitness Renato Cariani no banco dos réus por suspeita de tráfico de drogas. Outras quatro pessoas também vão responder ao processo.

Até a publicação deste texto, a reportagem do Estadão buscou contato com a defesa do influenciador, mas sem sucesso. O espaço está aberto para manifestação.

Nesta fase, o juiz analisa se há indícios mínimos para abrir uma ação penal. O julgamento definitivo do caso só acontece depois que testemunhas forem ouvidas e acusação e defesas apresentarem seus argumentos, o que não tem prazo para ocorrer.

“Presentes os requisitos legais (indícios de autoria e prova da existência dos crimes decorrentes das oitivas extrajudiciais e demais elementos colhidos na fase policial), recebo a denúncia”, escreveu a juíza Maria da Conceição Pinto Vendeiro, da 3.ª Vara Criminal de Diadema, na Grande São Paulo.

O grupo vai responder por tráfico de drogas, associação para o tráfico e lavagem de dinheiro.

Como mostrou o Estadão, as autoridades estimam que a empresa do influenciador teria lucrado ao menos R$ 3,7 milhões com a venda de produtos químicos para a produção de cocaína e crack. Segundo a investigação, as drogas abasteciam uma rede de facções criminosas, incluindo o Primeiro Comando da Capital (PCC).

Marcações: