Pular para o conteúdo
Início » Inscrições para Ultramaratona da Independência 2024 terminam em 23 de junho

Inscrições para Ultramaratona da Independência 2024 terminam em 23 de junho

Ultramaratona da Independência
Prova terá início às 18h do próximo dia 1° de julho, com término às 6h do dia 2 de julho

Os atletas interessados em participar da Ultramaratona da Independência 2024 terão até o próximo dia 23 para realizar a inscrição, através do site. A prova terá início às 18h do próximo dia 1° de julho, com término às 6h do dia 2 de julho. A competição acontecerá no Parque dos Ventos, na orla da Boca do Rio.

A grande novidade é que neste ano, além do percurso com 12h, foram acrescentadas também as categorias para 6h de prova, que pode ser corrida na modalidade solo, em dupla, quarteto ou sexteto, dentro de uma dinâmica de revezamento e o tempo mínimo de 2h, exclusivo para corredores solo.

De acordo com o regulamento, cada equipe terá obrigatoriedade de ter um capitão responsável pelas posições dos atletas. Os revezamentos dos participantes devem seguir as normas dos locais determinados pela organização.

Socialização

O diretor da Ultramaratona, Douglas Cerqueira, destaca que além de proporcionar a socialização dos atletas, que podem competir em equipes, a prova possibilita também a formação dos indivíduos para a disputa de outras competições nacionais e internacionais de grandes distâncias. Este ano a competição foi preparada para ser mais inclusiva, através da implantação de novos tempos de prova.

“Os novos tempos de prova ampliam a participação dos atletas na ultramaratona que antes contava apenas com o total de 12h. Estamos preparados para receber os corredores da melhor forma, com uma estrutura reforçada e muitos atrativos e parceiros”, explicou.

A Ultramaratona da Independência conta com o apoio da Prefeitura de Salvador, através da Empresa Salvador Turismo (Saltur), em homenagem à Independência do Brasil na Bahia, no dia 2 de julho. Na edição anterior, a competição reuniu 500 participantes. Neste ano a estimativa é dobrar o número de atletas.

Leia também:

MEC aceita revogar portaria se professores federais acabarem greve

Mudanças climáticas: Bahia tem maior proporção da população em áreas de risco

Igor Santos/Secom PMS